Fraga e Ibaneis polarizam discussão em debate

2 de October, 2018 - 22:39 Atualizado em 02/10/2018 22:41

Advertisements


Ibaneis abre mão de R$ 300 mil em honorários no debate da Globo – Foto: Reprodução

O deputado federal Alberto Fraga (DEM) confrontou o advogado Ibaneis Rocha (MDB) sobre R$ 300 milhões em honorários que ele tem para receber dos cofres públicos. Para responder, ele provocou o adversário dizendo que ele não leu a Constituição Federal.

E sustentou que os valores serão pagos por meio de precatórios e que há uma fila para o pagamento. No último debate promovido pela TV Globo antes do primeiro turno, na noite desta terça-feira (2), Ibaneis anunciou que abriria mão também desse direito – ele já disse que não quer saber do salário de governador, tampouco das regalias. “Mesmo sendo legal e tendo direito, estou abrindo mão desses honorários e colocando à disposição da sociedade. Esses recursos não entrarão nos cofres do meu escritório”, sustentou o advogado.

O candidato do MDB também alfinetou o adversário, dizendo que ele deveria era se defender “e não atacar”. E disse que, por onde andou, Fraga “deixou um rastro de corrupção”.

Ao dizer que, se for condenado, terá condições de repor aos cofres públicos, Ibaneis ouviu de Fraga que ele “levou demais”.

O deputado federal do DEM ainda provocou o advogado, dizendo que ele compra pesquisa e “compra tudo”. E foi instado a apresentar provas.

Se, antes, os dois mostravam afinidade em embates, Fraga e Ibaneis agora mostram disposição para o enfrentamento. As pesquisas de intenções de voto podem explicar a troca de farpas.

Sete candidatos ao Governo do DF participam do último debate antes do primeiro turno da eleição, promovido pela TV Globo. Participam o governador Rodrigo Rollemberg (PSB), Ibaneis Rocha (MDB), Julio Miragaya (PT), Rogério Rosso (PSD), Alberto Fraga (DEM), Eliana Pedrosa (Pros) e Fátima Sousa (Psol).

Deixe uma resposta