Rollemberg acusa parte da Polícia Civil de fazer “grande armação” contra ele

3 de October, 2018 - 0:29 Atualizado em 03/10/2018 00:29

Advertisements

Rollemberg disse que o irmão é uma das pessoas “mais conceituadas da cidade” – Foto: Reprodução

O indiciamento do irmão do governador Rodrigo Rollemberg (PSB), Carlos Augusto Rollemberg, o Guto, divulgado uma hora antes de o debate da TV Globo começar, foi pauta do enfrentamento entre os candidatos ao Governo do DF, na noite desta terça-feira (2). Em defesa da família, o governador disparou que as provas são “extremamente frágeis” e acusou “parcela da Polícia Civil” de fazer uma “grande armação”.

“Meu irmão é uma das pessoas conceituadas da cidade”, continuou o chefe do Executivo, que disse que, depois, vai explicar o assunto melhor. 

Além de Guto Rollemberg, também foram indiciados pela Polícia Civil o chefe de gabinete da Casa Civil, Guilherme Rocha de Almeida Abreu; o irmão dele, Leonardo Rocha de Almeida Abreu; e o administrador do Lago Norte, Marcos Woortmann. De acordo com a investigação, eles participariam de um esquema que beneficiaria empreendimentos particulares, como o Hospital Home e o Shopping Iguatemi, por exemplo.

Sete candidatos ao Governo do DF participam do último debate antes do primeiro turno da eleição, promovido pela TV Globo, na noite desta terça-feira (2). Participam o governador Rodrigo Rollemberg (PSB), Ibaneis Rocha (MDB), Julio Miragaya (PT), Rogério Rosso (PSD), Alberto Fraga (DEM), Eliana Pedrosa (Pros) e Fátima Sousa (Psol).

Deixe uma resposta